ÁSIA: Os mercados de Ásia fecharam sem direção nesta terça-feira, sem o tradicional balizador das bolsas americanas, fechadas por conta do feriado do Dia do Presidente e com investidores esfriando o otimismo devido a falta de detalhes Das políticas propostas por Trump, como a reforma tributária e sua retórica protecionista.

Na Coreia do Sul, o índice Kospi fechou em alta de 0,89%, após dados mostrarem um salto nas exportações nos primeiros 20 dias de fevereiro. As exportações cresceram 26,2% em dólar, enquanto as importações aumentaram 26%, perfazendo um superávit comercial de US $ 2,19 bilhões. As ações da Samsung Eletronics avançaram 0,72% apesar da prisão do CEO do grupo, Jay Y. Lee, na sexta-feira por suposto envolvimento em um escândalo de corrupção. Lee foi questionado pelas autoridades durante o fim de semana e os boatos sugerem que ele provavelmente será indiciado na próxima semana. As agências S & P Global Ratings, Moody’s e Fitch Ratings disseram que a detenção provavelmente não afetará o rating de crédito da marca da Samsung Electronics.

O índice japonês Nikkei ganhou 0,68%, para 19.381,44 pontos, com um iene relativamente mais fraco. Os iene foi negociado a 113.46 por dólar, próximo de 113.06. Um iene mais fraco é geralmente um positivo para os exportadores, uma vez que aumenta seus ganhos no exterior quando convertidos de volta para a moeda local.

O índice Hang Seng de Hong Kong caiu 0,76%, enquanto os mercados chineses do continente terminaram em alta. O composto de Xangai subiu 0,41% e o composto de Shenzhen somou 0,94%. Alguns analistas tem notado que está se formando um mercado “bull” mesmo que de forma lenta. O recente rali nas blue chips chinesas, em especial ações bancárias, levantou especulações de que fundos de pensão locais estão comprando, um sinal de que o mercado atingiu o fundo. O HSBC anunciou que lucro ante impostos em 2016 caiu 62%, para US $ 7,1 bilhões, devido desaceleração do crescimento econômico, principalmente em Hong Kong e na Grã-Bretanha. As ações do banco cotadas em Hong Kong caíram 4,13%, enquanto o rival Standard Chartered (LON:STAN) caiu 1,49%.

Na Austrália, o benchmark ASX 200 caiu 0,07%, em 5.791,02. Algumas produtoras de minério de ferro registraram ganhos, depois que a commodity atingiu uma máxima de 2,5 anos, a US $ 92,34 a tonelada, enquanto os futuros chineses de minério de ferro subiram 3,7%. Fortescue Metals subiu 2,7%, um dos maiores ganhadores do ASX200, enquanto os grandes players da mineração, BHP Billiton e Rio Tinto (LON:RIO) adicionaram 1 e 2,0%, respectivamente. Mas nem todas as mineradoras tiveram um dia bom. South32 caiu 2,7%, visto que a companhia não é exposta ao minério de ferro ou ao cobre, duas commodities que tiveram ganhos durante a noite. Os quatro grandes bancos terminaram o dia misturado. ​​

No mercado cambial, o índice do dólar subiu moderadamente para 101,20, acima de 100,91 do dia anterior. Ainda durante o horário do pregão asiático, o petróleo seguiu misturado. A Reuters informou que os embarques de petróleo bruto da Arábia Saudita (maior produtor de petróleo do mundo) em dezembro caiu para 8,014 milhões de barris por dia (bpd), ante 8,258 milhões de barris por dia em novembro.

​EUROPA: ​Com exceção do FTSE 100, os principais mercados europeus avançam, com investidores se concentrando nos ganhos das empresas e nos recentes dados econômicos.​ O pan europeu Stoxx 600 sobe 0,24% nas primeiras negociações do dia, com a maioria dos setores sendo negociado em território ligeiramente positivo. O Stoxx Europe 600 Banks Index cai 1,22%, devido resultado fraco do HSBC.

O índice PMI (Purchasing Managers Index) que mede a atividade das empresas na zona do euro, registrou leitura melhor do que o esperado para fevereiro, em 56,0 e é o maior nível desde abril de 2011. Os investidores também se concentraram na divulgação dos últimos índices de PMI da França, cujo PMI composto (manufatura e serviços) de fevereiro ficou em 56,2, bem acima das previsões dos analistas e dos 54,1 registrados em janeiro. O PMI da Alemanha subiu para 56,1 em fevereiro.​

A alta dos preços de energia e alimentos frescos elevou a inflação da França em janeiro, de acordo com a agência nacional de estatísticas Insee. O Índice de Preços ao Consumidor aumentou 1,3% no ano, mas foi 0,2% menor no mês.​ O CAC 40de Paris opera em ligeira alta de 0,08%.

No Reino Unido, o FTSE 100 recua, após abrir com uma modesta alta. O índice terminou em ligeira queda na segunda-feira. O HSBC despenca 6,37%, a maior queda desde agosto de 2015, após o banco focado na Ásia relatar uma perda líquida de 62%, de US $ 4,23 bilhões no quarto trimestre, maior do que a queda de US $ 1,33 bilhão no mesmo período do ano anterior, significativamente abaixo das expectativas dos analistas devido encargos pontuais. O HSBC disse que planeja recomprar mais US $ 1 bilhão em ações.

BHP Billiton abriu em alta de 1,3% depois que a maior mineradora do mundo por valor de mercado divulgou um de US $ 3,2 bilhões em seu primeiro semestre fiscal, auxiliado pelo aumento dos preços das commodities e pelo corte de custos. A BHP recompensou os acionistas com um dividendo maior do que o esperado após fechamento da bolsa australiana e citou a crescente confiança em meio a um aumento nos preços das commodities. O resultado ficou abaixo das expectativas do mercado, no entanto, o presidente-executivo Andrew Mackenzie classificou o lucro líquido no primeiro semestre como um “forte resultado”. Apesar de suas ações abrirem em alta, perde fôlego e opera em queda de 0,6%. Anglo American (LON:AAL) reportou um lucro anual de US $ 1,6 bilhão devido aumento das commodites. Suas ações abriram em alta mas também cai na manhã desta terça-feira.

O presidente do Banco da Inglaterra, Mark Carney, deve dirigir-se ao Comitê Seleto do Tesouro em Londres e o candidato presidencial francês Emmanuel Macron deverá realizar um comício de campanha em Londres pouco depois do fechamento do mercado.

AGENDA DO INVESTIDOR:

EUA:
12h45 – Flash Services PMI (estimativa inicial do Índice PMI, fornecendo indicadores precedentes para dados finais do PMI de Serviços). São um dos primeiros indicadores econômicos de cada mês, fornecendo evidências de mudanças nas condições econômicas.​
12h45 – Flash Manufacturing PMI (estimativa referente ao nível de atividade industrial nos Estados Unidos);​

ÍNDICES FUTUROS – 7h20:
Dow: +0,27%
SP500: +0,23%
NASDAQ: +0,28%

OBSERVAÇÃO: Este material é um trabalho voluntário, resultado da compilação de dados divulgados em diversos sites da internet que são aqui resumidos de maneira didática para facilitar e agilizar a compreensão do leitor. O texto da sessão asiática está no tempo passado e a europeia no presente devido ao horário em que este relatório é redigido. Atentem-se para o horário de disponibilização dos dados.

Futuros dos EUA operam em ligeira alta na volta do feriado